Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Livros e filmes: "Guerra e paz" e a alma russa

Domingo, 07.02.16

 

Quantas vezes Pierre, Andrei e Natasha já passaram no cinema e na televisão... Revejo-os desta vez na série inglesa da BBC que está a passar na RTP1 às 4ªs feiras.


O que me impressionou logo no 1º episódio foi a fotografia, impecável, jogando com algumas imagens trabalhadas tecnologicamente até se diluir numa quase aguarela.


O que se impôs a partir do 2º episódio foi a música que se cola às personagens como um diapasão à flor da pele. Num momento rodopia no salão de baile para logo depois acompanhar a perspectiva de uma personagem, o seu olhar, os seus sentimentos e pensamentos.


A partir do 3º episódio já começamos a vislumbrar a alma russa. A alma russa, em Tolstoi, é uma alma grande, do tamanho da sua geografia, liga-se à terra, é filosófica e musical, os seus afectos criam raízes profundas, é comunitária, o clã familiar alarga-se ao clã das amizades.

 

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Ana Gabriela A. S. Fernandes às 10:27

A lista de livros para ler este ano

Quinta-feira, 04.02.16

 

Já tinha saudades de visitar a secção de livros da Fnac do Chiado. Passar pelos destaques, a literatura estrangeira traduzida, os livros de viagens, a divulgação científica, a pedagogia e a psicologia. Esta é a minha selecção à partida.

 

A minha técnica para escolher um livro é sempre a mesma. Leio a contra-capa, o tema essencial, abro-o depois a meio, leio algumas frases, se me prende a atenção e a curiosodade vou ver o autor, país de origem, idade. Volto a abrir o livro ao acaso. E é nessa altura que decido se vai para a lista ou não.

 

Os autores conhecidos são velhos amigos que gosto de visitar, desta vez são Dickens ("O amigo comum"), Oscar Wilde ("Obras completas, I e II"), Faulkner ("Sartoris") e J. G. Ballard ("O arranha-céus"). 

 

Finalmente e se ainda houver tempo, reler de outros velhos amigos, "Guerra e Paz" (Tolstoi), "As neves de Kilimanjaro" (Hemingway) e "A um Deus desconhecido" (Steinbeck).

 

 

A lista foi-se assim compondo a partir dos autores que ainda não conheço:

 

- "Danúbio" de Claudio Magris - Quetzal

- "Stoner" de John Williams - D. Quixote 

- "J" de Howard Jacobson - Bertrand

- "As obras-primas de T. S. Spivet" de Leif Larsen - Editorial Presença

- "A era do deslumbramento" de Richard Holmes - Gradiva 

- "Pensar com clareza" de Rolf Dobelli - Temas e Debates 

- "Educar para o futuro" de Paul Tough - Clube do Livro

 

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Ana Gabriela A. S. Fernandes às 20:54








comentários recentes



links

coisas à mão de semear

coisas prioritárias

coisas mesmo essenciais

outras coisas essenciais

coisas em viagem